Comente Agora

Um Novo Alvorecer

Só Jesus Tem Poder

Quanto Custa Um Parlamentar No Brasil?


Este estudo foi divulgado pelo Bom dia Brasil, demonstrando quanto custa os parlamentares Brasileiros. Os dados são inacreditáveis, é uma vergonha. O minuto trabalhado custa ao contribuinte R$ 11.545 reais. por ano, cada senador não sai por menos de 33 milhões de reais. O custo anual de um deputador é em torno de 6 milhões de reais. O vídeo mostra um gráfico comparando os custos do Brasil com Itália, França, Espanha e Argentina. Resumindo, "OS PARLAMENTARES BRASILEIROS SÃO OS MAIS CAROS DO MUNDO". Ajudem a divulgar, quem paga isso tudo somos nós contribuintes. Isto é Um Escândalo,Uma Vergonha Brasileira, Pois Legislam em Causa Própria. Fora Parlamentares...

Leite Longa Vida O UHT Mais Qualificado em Minas é Camponesa



A Embaré sempre norteou a sua produção por três diretrizes essenciais: Tecnologia Moderna, Mão-de-Obra Qualificada e Matéria-Prima de Primeira Qualidade. Com essa visão empreendedora, a empresa vem trilhando um caminho de incessante progresso.



A fábrica da Embaré, instalada na cidade de Lagoa da Prata, MG, possui mais de 37,5 mil metros quadrados de área construída. Hoje a empresa tem capacidade para receber até 2,4 milhões de litros/dia de leite in natura, a principal matéria prima da Embaré. A qualidade é testada em todas as fases da produção, desde a recepção do leite até a liberação para venda. Para isso, a empresa conta com equipe técnica qualificada e com oito laboratórios próprios, reconhecidos por sua excelência. Rigorosas normas de qualidade também são exigidas dos fornecedores de matérias-primas e materiais de embalagens para a fabricação dos produtos. A armazenagem dos insumos é feita em salas climatizadas, com elevado padrão de higiene. Os processos de estocagem e expedição da Embaré são feitos em moderno depósito, garantindo a integridade dos seus produtos. Câmaras frias para acondicionar grandes volumes de produtos refrigerados e uma ampla área de estocagem garantem agilidade para a logística da Empresa.
Qualidade
Na fabricação dos produtos da Embaré, a qualidade é testada passo a passo, com a utilização de seus oito modernos laboratórios: captação de leite, físico-químico, microbiológico, cromatográfico, leite condensado/UHT, doces e caramelos, análise sensorial, águas e efluentes industriais. A qualidade também é controlada com o sistema de reserva de amostras “shelf-life”, que permite à Embaré monitorar a integridade dos produtos de qualquer lote, dentro do seu prazo de validade – cuidado fundamental que visa à preservação da reputação de suas marcas. Alcançando o mais alto padrão de excelência na qualidade dos ensaios ambientais, o Laboratório Águas e Efluentes da Embaré teve sua competência técnica, segundo os requisitos estabelecidos na norma ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005, reconhecida pela Rede Metrológica de Minas Gerais. A preocupação com a qualidade de seus produtos e com o meio ambiente fez com que a Embaré conquistasse, em 2003, as certificações ISO 9001 e ISO 14001. A primeira foi substituída, em 2016, pela certificação da FSSC 22000, que é concedida a empresas que possuem sistema de gestão de segurança de alimentos implantado e eficaz. A segunda uma das mais importantes certificações de gestão ambiental, eleva a Embaré a padrões internacionais de preservação da natureza e proteção ao meio ambiente.



Biosev Unidade de Lagoa da Prata Inícia a Safra 2017 / 2018

A Biosev – unidade de Lagoa da Prata – deu início no dia 8 de março, dia Internacional da Mulher, a abertura da safra 2017/2018. Em comemoração à data, funcionários, diretores e parceiros da empresa realizaram uma carreata com mais de 60 caminhões agrícolas e veículos empresariais e particulares. De acordo com a companhia, a próxima safra deve gerar cerca de dois mil empregos.


A carreata, que iniciou a concentração no bairro Sol Nascente, passou pelas principais ruas da cidade e terminou na unidade da empresa. Na safra de 2016/2017, a unidade de Lagoa da Prata da Biosev registrou recorde na produção de açúcar, com 2 milhões e 555 mil toneladas produzidas, com grande parte destinada à exportação. Para a produção de 2017/2018, a expectativa é superar ou manter a marca de 2016, conforme explica a Superintendente Tânia Fernandes. “Terminamos uma safra recorde, mas agora temos o desafio de moer mais de cem mil toneladas de cana para o mês de março. Nessa safra queremos, no mínimo, o que fizemos na anterior. E só não fizemos mais por falta de cana. Hoje, a nossa frota foi para as ruas para mostrar ao município o poder de mobilização de pessoas e o potencial de crescimento que a usina tem. Estamos muito animados e apostando muito para esse ano”, afirmou Tânia Márcia Fernandes, Superintendente Geral da Biosev
Unidade Lagoa da Prata.




Início da Safra 2017 / 2018 Biosev Unidade de Lagoa da Prata

As Maiores Indústrias da Lagoa de Prata

O site de notícias G1 Centro-Oeste publicou matéria destacando que Lagoa da Prata é a 49ª cidade do Brasil que mais gerou empregos em 2015. Foram 518 novas contratações, de acordo com um ranking do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O município tem como pontos fortes da economia as produções de leite e muitos de seus derivados, açúcar, etanol, rações,  e produtos farmacêuticos. A empresa que mais gera empregos em Lagoa da Prata pertence ao ramo de laticínios.  A Embaré Indústrias Alimentícias S/A.

300 Milhões Foi o Que A Embaré Investiu em Sua Unidade Em Lagoa da Prata Minas Gerais  
Faturamento da Embaré deve crescer 15% Empresa conclui investimento de R$ 300 milhões para incrementar a produção da linha de lácteos 

A Embaré Indústrias Alimentícias S/A, com sede em Lagoa da Prata, na região Centro-Oeste, concluiu um investimento de R$ 300 milhões para intensificar a produção no segmento lácteo. Desde janeiro, a capacidade produtiva da linha foi incrementada em 23%. A maturação do aporte, aliada a um aumento das exportações na parte de confeitaria, deverá resultar em uma alta de 15% no faturamento neste ano frente a 2015. As inversões foram destinadas para a ampliação da sede da empresa e aquisição de equipamentos capazes de gerar eficiência na produção. Com as novas máquinas, a velocidade de evaporação passou de 16 mil litros por hora para 30 mil litros por hora. O novo maquinário será utilizado na produção da linha de lácteos da empresa que inclui, dentre outros produtos, leite desnatado, leite integral e leite instantâneo. A linha de lácteos da empresa é voltada, principalmente, para o mercado interno. Um pequeno volume é exportado para alguns países da América Latina, mas a ampliação da capacidade teve como objetivo aumentar a participação no mercado brasileiro. Segundo o diretor-presidente da empresa, Hamilton Antunes, a crise econômica vivida pelo País não atrapalha os planos de expansão da empresa por se tratar de produtos considerados essenciais para crianças. O máximo que pode ocorrer é um processo de substituição de um produto mais caro por outro mais barato. Como a empresa possui uma lista extensa de lácteos, ela consegue acompanhar esse movimento sem perder clientes. Em 2015, a Embaré apresentou uma redução no faturamento de apenas 0,29% frente a 2014, ao passar de R$ 1,008 bilhão para R$ 1,005 bilhão. A pequena diferença se justifica pela alta de preços do leite no mercado internacional, que acabou reduzindo as vendas. Além disso, os custos aumentaram consideravelmente no exercício passado. As despesas financeiras da empresa cresceram 38% em 2015,  fechando em R$ 46 milhões. 


Já no mercado de confeitaria, a aposta da empresa é ampliação das exportações. Atualmente, 70% da produção da Embaré neste segmento são voltados para o mercado interno e apenas 30% para o externo. Segundo Hamiltom Antunes, até o fim do ano a empresa espera ampliar a fatia de exportação para 50%. ISO 22.000 - Dois fatores colaboram para crescimento das vendas no exterior dos produtos da Embaré. O primeiro é a conquista do ISO 22.000, que é uma norma internacional com requisitos de gestão de segurança alimentar. Como nos Estados Unidos essa norma é levada muito a sério, a Embaré havia perdido muitos clientes norte- americanos, em função de ainda não haver a certificação. Uma vez conquistada, a empresa já está retomando uma série de contratos no país, que é um dos principais mercados, dentre os 35 onde ela atua. Além disso, a Rússia, outro parceiro comercial de peso para a Embaré, havia reduzido a compra de confeitos da empresa por causa de dificuldades econômicas. Com o mercado dando sinais de recuperação, a tendência é que as vendas para o país europeu sejam aumentadas neste ano. A soma do aumento das exportações com uma maior capacidade produtiva deverá colaborar para que haja um aumento de 15% no faturamento deste ano, segundo projeções de Antunes.
 Já a segunda maior empregadora, é a unidade de açúcar-álcool e racão animal da Biosev. A usina em Lagoa da Prata contabiliza 1.850 empregos diretos e em média outros quase 400 empregos indiretos. “Ficamos realizados quando ocorre um reconhecimento público da importância da nossa empresa para um município ou região. Trabalhamos muito para contribuir para o desenvolvimento socioeconômico dos locais onde atuamos”, destaca a superintende de Lagoa da Prata,  
Tânia Márcia Fernandes.


A Biosev, uma das maiores processadoras de cana-de-açúcar do mundo, aumentou sua capacidade de produção animal com a inauguração, em agosto de 2013, de uma fábrica de ração animal anexa a sua unidade em Lagoa da Prata. Produzida a partir de coprodutos do processo de extração de açúcar e álcool da cana-de-açúcar  principalmente bagaço de cana, melaço e levedura – a ração permite à Biosev fortalecer seu relacionamento com fornecedores que também atuem na pecuária, além de ser uma opção mais econômica e eficiente para os pecuaristas. Essa é a segunda fábrica implantada, sendo que a primeira está localizada em Morro Agudo, no estado de São Paulo, na unidade Vale do Rosário. Segundo o supervisor de Zootecnia da Biosev, Fernando Henrique Pereira de Paiva, o investimento inicial para a implantação da fábrica na unidade de Lagoa da Prata foi de aproximadamente 5 milhões de reais. “Depois de alguns estudos, identificamos que aqui em Lagoa o investimento na fábrica se enquadraria perfeitamente”, destaca Fernando. Para a Biosev, a produção de ração de bagaço de cana traz muito mais vantagens do que apenas rentabilizar. Na busca por fornecedores de cana, a possibilidade de oferecer a ração representa um diferencial na negociação e fidelização com produtores que também tenham gado.



P

Missão da Pharlab
Oferecer em todo o território nacional uma diversificada linha de medicamentos genéricos de alta confiabilidade e eficácia, proporcionando a satisfação de seus clientes e consumidores e o desenvolvimento de seus colaboradores e sociedade. Visão O sonho da Pharlab é estar presente na vida de todas as famílias brasileiras, merecendo sua confiança e contribuindo para sua saúde e bem estar. 
Atenta as novas tecnologias, a Pharlab investe continuamente na melhoria da qualidade de seus produtos e processos.Possui equipamentos modernos para produção e análises dos medicamentos além de uma equipe técnica altamente qualificada que, juntamente com o monitoramento e cumprimento das rigorosas normas de boas práticas de fabricação, assegura a qualidade de seus produtos. Todo esse conjunto garante a Pharlab a certificação em Boas Práticas de Fabricação e Controle pela ANVISA.
As nossas Novas Embalagens São Modernas, Funcionais, Práticas e Seguras.
Além do novo visual, as embalagens apresentam uma tabela posológica inédita no Brasil, com pictogramas indicativos que facilitam a visualização das indicações, quantidades e dosagens prescritas, permitindo ao farmacêutico e ao balconista dispensar o medicamento com orientação correta da receita na caixa.

"Um Jeito mais Prático, Simples e Seguro!" 
      Entenda Cada Pictograma:
Veja Como Funciona
 Na tabela posológica o farmacêutico ou o balconista anotam a prescrição do médico quanto aos horários de administração, a duração do tratamento e outras observações importantes.
Para maiores informações consulte o SAC Pharlab:
Plano de crescimento para os próximos cinco anos é apresentado para todos os colaboradores. Motivados pelo clima olímpico com o tema “Pharlab 2020, movidos por um só espírito”, na última sexta-feira (05), todos os colaboradores da empresa tiveram a oportunidade de conhecer o plano de expansão da Pharlab, através do Diretor-Presidente, Eduardo Martins, e do Diretor de RH, Ricardo Coppus.

Amor Exigente de Nova Serrana

“O Amor Exigente São Grupos de Apoio e Ajuda Mútua Que Encoraja a Pessoa a Agir em vez de só falar, Constrói a Cooperação Familiar e Comunitária Desencorajando a agressividade e a violência” O Amor-Exigente mostra como corrigir, o que não está bem no Lar e na Família. É, Principalmente um Programa de Prevenção, mas também age sobre a Recuperação. Se você anda nervoso, exausto, atrapalhado, desgostoso ou simplesmente aborrecido com a Família, O Amor-Exigente é Para Você. As Reuniões semanais dos Grupos de Ajuda Mútua devem durar 2 ( duas ) Horas. Em todas as reuniões de Familiares ou de Professores, as Reflexões serão embasadas nos 12 ( doze ) Princípios Básicos.
Amor Exigente Parceiros https://sites.google.com/site/minasdasminasgerais/amor-exigente-parceiros


A Ascensão de Jesus Aos 43 Dias de Sua Morte


*** The Teacher IV ***
 https://www.youtube.com/watch?v=Oa-zOE1xPuk 




*** The Teacher III ***

 https://www.youtube.com/watch?v=UhA2cQrmgEE


Jesus É O Caminho, A Verdade e A Vida. O Viver Sem Jesus é Como Vegetar, Sem Esperança e Sem Razão para continuar na Caminhada Comprida e Viver com Alegria e Felicidade. Música Progressiva Cósmica: Tema Teologia.

Jesus The King of the kings 
https://www.youtube.com/watch?v=oiDuXPIUODI







19ª Mostra Brasileira de Cinema em Tiradentes Minas

Homenagem ao Cineasta Ítalo-Brasileiro Andrea Tonacci marcou a abertura do evento
        

O evento começou nesta sexta-feira e seguiu até o próximo dia 30. Foram apresentados 35 longas e 82 curtas, em 57 sessões de cinema que vieram de todos os cantos do Brasil. A exibição reuniu\ produções de Tiradentes, Ouro Preto e Belo Horizonte, com apoio internacional da Argentina, Itália e França. Nesse ano, o homenageado foi o cineasta ítalo-brasileiro Andrea Tonacci. 
 A cerimônia de abertura contou com mais de 600 pessoas, incluindo autoridades e representantes dos patrocinadores do evento, entre eles, Fernando Pimentel, governador de Minas Gerais e várias autoridades. 

A coordenadora geral do evento, Raquel Hallak, destacou a importância do festival dentro do cenário cinematográfico brasileiro: “A Mostra de cinema de Tiradentes avança em seu tempo, constitui-se da audácia e desafio. Dispõe-se a valorizar e promover o Cinema Produzido no Brasil”. Na noite de abertura, foi apresentado ao público a temática desta edição -“Espaços em Conflito”. Esse assunto apresenta relação direta com o cinema de Tonacci e também com toda uma produção histórica e contemporânea do cinema brasileiro. Filmes recentes como “O Som ao Redor” (Kleber Mendonça Filho, 2012) e “Branco Sai Preto Fica” (Adirley Queirós, 2014) voltam a tocar na questão dos espaços em conflito, fazendo-se presente ao longo de toda a história do cinema brasileiro; enfatizam a modernidade do Cinema Novo e do Cinema Marginal. Ao receber o troféu, o cineasta André Tonacci afirmou emocionado: “Vocês não fazem ideia de como é surpreendente receber uma homenagem como essa.” Aos 70 anos, vocês não sabem o que significa isso!”. Depois de ser aplaudido pelo público de pé, a noite foi encerrada com a apresentação do filme de abertura Serras da Desordem, documentário dirigido pelo homenageado.
Houve também o lançamento da campanha do Coletivo, #eufaçoamostra composta por ex-alunos das oficinas de Processos Audiovisuais Cocriativas. Cerca de 30 mil pessoas participaram do evento, que reuniu um espaço de cultura e entretenimento. 
A Mostra contou com as exibições dos filmes: “Garoto”, de Julio Bressane, no Cine-Teatro Sesi;  “Futuro Junho”, de Maria Augusta Ramos, no Cine-Tenda; e “Através da Sombra”, de Walter Lima Jr, no Cine-Tenda. Foram exibidos também os curtas, com sessões no Cine-Tenda às 17h (Cena Mineira) e às 18h30 (Panorama I). No Cine BNDES na Praça, “Prova de Coragem”, de Roberto Gervitz, passou às 21h.  Ao fim da noite, à 0h40, teve a primeira Sessão Bendita, com “O Diabo Mora Aqui”, de Dante Vescio e Rodrigo Gasparini.
Fonte:
© 2016 VAN UFSJ











19ª Mostra de Cinema em Tiradentes Minas Gerais

Homenagem ao cineasta ítalo-brasileiro Andrea Tonacci marcou a abertura do evento